• Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle

Orgulhosamente criado por Paula Castro

  • Trendy 4u

Padaria, um oásis em meio a selva de pedra


De acordo com o dicionário, padaria significa pura e simplesmente: local onde se fabrica e se vende pães.

Tal descrição é muito simples perto do que as padarias viraram nos dias de hoje. Algumas exibem tantos itens que mais parecem supermercados.

Algumas tem especialidades, várias funcionam 24 horas, no período de outono e inverno, algumas casas oferecem um buffet de caldos e sopas digno dos melhores restaurantes.

Padaria virou ponto de encontro, local de trabalho, lugar de café da manhã, almoço e jantar, tem wi-fi, tem cara de boteco, tem cara de restaurante chic e ouso dizer que é um dos lugares mais democráticos que temos na cidade, agradando a gregos e troianos, tamanha a oferta e variedade de produtos.

Aos finais de semana então, muitos paulistanos trocam o almoço por um café da manhã mais tarde e reforçado.

Escolher uma preferida é difícil, pois cada um tem seus critérios, mas normalmente acabamos dando preferência aos estabelecimentos que são mais perto de casa e se possível, que podemos ir a pé. Já vira um programa de fim de semana. Porém isso não é regra.

Vou listar aqui algumas que fizeram parte da minha história e as que frequento as vezes.

1 – Bologna Padaria e Rotisserie: lembro de ir com meus pais desde muito pequena. Desde tenra idade eu já amava a coxa creme deles e sim, como coxinha em café da manhã, rsrs. A história desse local começa em 1925 no Largo da Concórdia e era apenas um bar. Depois em 1932, foi para o Vale do Anhangabaú e ficou até 1957, quando incorporou o nome rotisserie e mudou para a Rua Augusta, onde permanece até hoje. O Bologna, tem o cuidado de preservar antigos funcionários e manter as receitas tradicionais, dando um ar de acolhimento e retomada de memórias boas. O público daquela parte da Augusta, mudou de anos para cá e você encontra bastante gente descolada, mas antigos habitues convivendo no mesmo salão.

@bolognasp

Rua Augusta 379 (estacionamento ao lado).



2 – Galeria dos Pães: foi aberta em 29 de julho de 1999, inaugurando em São Paulo, um novo conceito em padaria tradicional e um ponto de encontro gastronômico de São Paulo, é sem dúvida, uma das padarias mais adoradas da cidade. A Galeria dos Pães, é uma empresa familiar, com mais de 20 anos de experiência, é ponto de referência nos Jardins e muito frequentada na madrugada. Já tive a oportunidade de encomendar pela internet alguns minis sanduíches e são maravilhosos, recomendo. Tem variedade de sopas a noite e é praticamente um minimercado.

@galeriadospaes

Rua Estados Unidos, 1645 (Estacionamento próprio ao lado).


3 – Le Pain Quotidien: uma padaria bem padronizada, e todas elas espalhadas pelo mundo tem a mesma “cara”. Já frequentei algumas fora do Brasil, que lembram muito as daqui. Adoro o conceito da mesa grande para se compartilhar lugares e o croissant é dos deuses. O Le Pain Quotidien é um grupo de padaria e restaurante fundado em Bruxelas em 1990, por Alain Coumont. É uma cadeia internacional de padarias e restaurantes. Ele carrega uma variedade de produtos de panificação e bebidas de café, bem como um menu de comidinhas.

@lepainquotidienbr

Shopping Cidade Jardim (estacionamento do shopping), tem outros endereços.


4 – Padaria Sabor: essa é uma das que mais frequento pela proximidade da minha casa. Vive cheia, as vezes estacionar ali é complicado. Normalmente irá encontrar vários pets esperando seus donos na entrada da padaria. Por lá já tive conversas sérias e até reconciliações de amizade. É uma típica padaria de bairro e é comum encontrar gente conhecida. Pecam um pouco pelo atendimento, mas os sanduíches são deliciosos. Destaque para o pão francês integral com queijo branco. Delícia!!! O mini sonho é demais também.

@padariasabor

Rua Deputado João Sussumu Hirata 495 (estacionei nas próprias vagas em frente a padaria).



5 – Nova Pão Kent: padaria tradicional de São Paulo. Há quem diga que não é mais a mesma, mas eles arrebentam na qualidade dos produtos e no sabor e capricho dos minis sanduíches, que já encomendei várias vezes. É uma padoca bem típica, sua fachada é interessante e se destaca em meio aos prédios. O enroladinho de salsicha é dos deuses.

@novapaokent

Rua Prof. Artur Ramos 223. (estacionei na rua – zona azul).


6 – St. Germain: acho ela linda e essa padaria fica entre vários restaurantes que amo no Itaim, como o Momma, o Due Cuocchi, Da Marino e Nino. Mesmo assim a clientela é fiel e há espaço para todo mundo. Com pães fresquinhos, sem conservantes, fica difícil escolher o que você vai levar para casa: baguetes, torradas, pães especiais, broas, pães italianos…. Mas a Saint Germain, tem linhas light, sem açúcar, baixo teor de sódio e funcionais. Atendimento cordial e uma ótima frequência. O expresso é delicioso e o pão de queijo para acompanhar é perfeito.

@padariasaintgermain

Rua Manuel Guedes 110. (estacionei na rua).



7 – Colina Verde: ela se auto intitula a padaria do Panamby. Tem mesinhas fora com guarda sol, e de todas as padarias que eu fui, foi a única, que nessa área, tem até bebedouros de água para pets. Você consegue fazer encomendas dos produtos por WhatsApp e funciona bem. Por lá já reencontrei amigas e fiquei por horas conversando, curtindo um expresso acompanhado de uma coxinha nota 8.

@colinaverdecasadepaes

Rua Dr. José Gustavo Bush 445. (estacionei nas vagas da frente).


8 – Pão Padaria Artesanal: há anos, os moradores da rua Bela Cintra, no Jardins, surpreenderam-se com um lugar minúsculo: a Padaria Artesanal Orgânica. O sonho de fazer um pão artesanal, valorizar os pequenos produtores orgânicos e servir uma comida saudável tornou-se realidade. Rafael Rosa, recebia seus clientes com a mão na massa, cheiro de pão quentinho e um sorriso no rosto. Com o passar dos anos, o sucesso deu

espaço ao crescimento, e outros endereços surgiram. O conceito de simplicidade, variedade e autenticidade permanecem. E os pães, realmente são diferenciados. É um belo exemplo onde a padaria serve um belo buffet de almoço. Ambiente moderno e lindo. Já que estou de dieta, levei para casa o bolo de banana sem farinha e sem lactose e aprovei. Esquento 20 segundos no micro-ondas e a vontade eventual que tenho de doces gordinhos passa.

@padariaorganica

Rua Dr. Mário Ferraz 213. (estacionei na rua - zona azul e tem outros endereços).


9 – Mondo Pane: tive o privilégio de ser convidada para conhecer a casa logo depois de sua abertura no fim do ano passado. O ambiente é classudo, bem localizado nos Jardins, com garçons que auxiliam na escolha. Salvatori Loi, é um dos mais renomados chefs em atuação aqui em São Paulo e detém casas de sucesso como o Momma e o Mondo, aventurou-se na Mondo Pane, levando toda sua expertise e conhecimento. Vale a visita. Os pães de fermentação natural, feitos lá mesmo, podem ser levados para casa e ainda servem de base para os cinco sanduíches do cardápio. Meio dia o cardápio se expande e você conta com mais opções de lanches e pratos. Gostei muito do misto no ciabatta, a foto ficou tão lida que o próprio estabelecimento postou minha foto.

@mondopane

Rua Haddock Lobo 1398 (estacionei na rua).


Para completar a matéria, fica uma curiosidade e uma dica de lugar que deve ser muito interessante. A padaria e confeitaria Santa Tereza é a padaria mais antiga da cidade de São Paulo. Sua fundação data de 1892. Tradicional mas se adequou aos novos tempos servindo desde o café da manhã, até o colonial e almoço e jantar com massas, grelhados, saladas e muito mais. Nunca fui a essa padaria mas depois dessa informação e da foto da vista que retirei do site vou querer conhecer. @padariasantaterezaPraça

Dr. João Mendes 150, Sé, centro de SP.


E é isso, a padaria preferida de cada um pode ser completamente diferente da de outra pessoa. Mas é unanimidade o quanto é acolhedor e gostoso o ambiente de padaria, os cheiros, o visual dos produtos que comemos com os olhos e tudo mais. Escolha a sua e bom apetite.

Beijos.

Dani Mollo.

#TRENDY4U #TRENDY #DANIMOLLO #PRAIA #CHEF #GASTRONOMIA #padoca #padaria #revistaeletronica #lifestyle #variedades #danimollo #dicas #ilovesp #besttips

36 visualizações